Morro da Fumaça: Município irá investir 20,9% da arrecadação em Saúde neste ano

0
Slider

A preocupação com a saúde dos fumacenses é constante no Governo Municipal de Morro da Fumaça. Prova disto são as ações realizadas diariamente pela Secretaria do Sistema de Saúde. E este empenho irá resultar no investimento de 20,92% da arrecadação do município em saúde neste ano. A porcentagem, bem acima dos 15% exigidos por lei, equivale a R$ 1,5 milhão. No ano passado, a saúde fumacense recebeu R$ 885 mil (17,69%), enquanto que em 2016 o valor destinado ficou nos R$ 262 mil (15,83%).

O secretário do Sistema de Saúde, Robson Francisconi enfatiza a preocupação com a saúde dos fumacenses. “O prefeito Noi e o vice Eduardo, ao lado de toda a nossa equipe da Secretaria de Saúde, não só demonstram que querem melhorar esta área, mas realizam ações concretas na busca do bem estar dos fumacenses”, salienta.

– PUBLICIDADE –

Os valores liquidados até agosto chegam a R$ 391 mil, representando 16,6% até aqui. “Queremos que os cidadãos recebam um bom serviço, medicamentos e médicos nos postos, sempre com uma boa estrutura. Continuaremos trabalhando e investindo nesta área assim como fizemos também nas outras”, fala o vice-prefeito Eduardo Sartor Guollo.

Diversas ações

Os valores destinados refletem em uma série de ações como o limpa fila, realizado em 2017 e também neste ano, além do investimento de aproximadamente R$ 500 mil a mais que em 2016 na aquisição de mais remédios, exames e tratamentos diversos, credenciamento de novos especialistas e inclusão de mais 27 tipos de medicamentos na atenção básica, aumento das sessões de fisioterapia de 336 para 1085. Além da implantação da fisioterapia nas casas, fazendo em média 110 sessões por mês. “Os desafios na saúde são diários e nós buscamos soluções através de uma equipe competente e de atitudes concretas. Há muito para se fazer sim, mas seguimos trabalhando diariamente para beneficiar os fumacenses”, enfatiza o prefeito Noi Coral.

Investimentos na saúde de Morro da Fumaça:

2016 – 15,83%

2017 – 17,69%

2018 – 20,92% (previsão)

Slider