Mulheres e suas conquistas | Por Clarize Ap. Carvalho Padilha

0
Slider

DIA INTERNACIONAL DA MULHER E SUA TRAJETÓRIA
O dia 08 de março é comemorado o dia internacional da Mulher. Essa data celebra o quão importante a mulher é para sociedade, desde os primórdios as mulheres lutam por direitos igualitários.
Hoje é comum que eventos sejam dedicados ao dia da mulher, temas como o feminismo entre outros são falados em sua homenagem.

TRAJETÓRIA DAS MULHERES
Os meus trabalhos de formação e pós graduação são voltados para os estudos de mulheres, sendo mulher posso dizer que as mulheres merecem todas as homenagens possíveis, abaixo vou citar a trajetória da mulher:

Baseado no Código de 1916 a mulher era considerada relativamente incapaz, ou seja, crianças, mulheres e idosos não tinham direito algum, somente o homem era capaz dos direitos. Nesta época o patriarcado era autoridade unânime, a mulher não tinha direitos de contestar essa autoridade.

As mulheres não tinham o direito do voto, em 1932, uma comissão de mulheres buscou pelo presidente Getúlio Vargas, após a reinvindicação o Presidente acata a decisão, porém ainda não havia se tornado obrigatório.

No ano de 1962, chegou o fim da aquisição do poder que o homem detinha em relação à mulher, essa conquista foi mensurável, pois assim a mulher deixou de ser incapaz civilmente.

Já em 1988 foi criado a constituição que previa os direitos entre homens e mulheres. Incrivelmente a pouco tempo os direitos foram sancionados como iguais diante de homens e mulheres.

Em 2002 houve um novo código, que caberia aos pais o poder pela família, sendo assim tanto o pai quanto a mãe estabeleciam regras na família, aqui não somente o homem era autoridade majoritária.

Esse texto não pode continuar sem que o caso da Maria da Penha seja citado, essa mulher com certeza precisa ficar para história das mulheres. Penha foi vítima de tentativa de homicídio, por meio de um tiro de espingarda desferido no dorso, por seu marido enquanto dormia. Por conta disso hoje se encontra paraplégica. Além dessa tentativa de homicídio sofreu com outros tipos de violência.

Com muita luta Maria da Penha, buscou em 2002 que a lei Maria da Penha fosse decretada, essa lei ajuda as mulheres com quaisquer formas de discriminação contra a mulher.

Em 2015 o feminicídio ganhou destaque no Brasil, por sua vez, a lei referente ao feminicídio foi aprovada este mesmo ano. O feminicídio é o assassinato de mulheres em razão de gênero. Infelizmente os casos tem aumentando todos os dias. Geralmente as mulheres sofrem com ameaças pós términos de relacionamentos abusivos e muita das vezes acabam sendo mortas brutalmente.

Por conta dos abusos cometidos principalmente em grandes metrôs e ônibus, foi revigorada a lei de importunação sexual no ano de 2018. As mídias mostraram em noticiários os casos de abusos, e com isso foi distribuído apitos para mulheres que sofrerem por essa situação.
Apesar de tudo, hoje as mulheres continuam com suas lutas diárias com as jornadas duplas, os múltiplos papéis aumentaram consideravelmente, claro que esse assunto daria outro tema. Com minha singela homenagem à todas as mulheres me despeço desejando um feliz dia das mulheres, aproveitem esse dia para comemorar os direitos já conquistados e os que estão por vir.

Slider