São Ludgero: Após devolução de 50 mil da Câmara, prefeitura repassa valor para APAE

0
Foto: Bertoldo Weber
Slider

Acontecerá na sexta-feira, 27 de agosto, às 8 horas, no Gabinete do Prefeito, a assinatura do Termo de Fomento entre a Prefeitura de São Ludgero e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) no valor de R$ 50.000,00 para auxiliar na ampliação da estrutura física da Escola de Educação Especial. O repasse é resultado de economia realizada pela Câmara de Vereadores, somado a um compromisso assumido pelo presidente, Jairo Borges, com entendimento do prefeito, Ibaneis Lembeck, o Iba.

Durante o ato de repasse realizado no valor de R$ 35.000,00, também no Gabinete do Prefeito, no dia 13 de abril, o presidente da Câmara de Vereadores, Jairo Borges, anunciou que o Legislativo Municipal economizaria e devolveria recurso nos próximos meses ao Executivo com o objetivo de destinar à entidade. Na ocasião, o presidente da Câmara de Vereadores disse que não poderia confirmar o valor.

Para o presidente da Câmara de Vereadores, Jairo Borges, é uma alegria enorme, juntamente com a atual diretoria e todos os vereadores, conseguir devolver o recurso para a Prefeitura e o valor ser destinado para ajudar na ampliação da estrutura física da Escola da Apae. “Sabemos a importância da Escola da Apae e a importância do trabalho desenvolvido. Acredito que todos os colegas estão muito felizes”, enfatiza.

O prefeito de São Ludgero, Ibaneis Lembeck, o Iba, reforça a importância da boa sintonia e integração entre os poderes Executivo e Legislativo em prol do bem comum. “Sempre que a Câmara de Vereadores economizar recursos e devolver para a Prefeitura, continuarei aberto ao diálogo e entendimento sobre a destinação/finalidade. E, assim, a diretoria da Apae contará com mais um importante recurso para seguir com a construção. Parabéns a todos os envolvidos”, pontua.

A ampliação da instituição possibilitará qualificação e ampliação dos programas/projetos/serviços desenvolvidos, considerando que a estrutura atual da Escola da Apae não é mais suficiente e adequada para os atendimentos.

Slider