Voto feminino no Brasil completa 88 anos com baixa representatividade afirma vereadora

0
Foto: Guilherme Luiz Tezza | Arquivo - Canal do Sul
Slider

“A representativa feminina e sua voz nas causas da comunidade são importantes.” deixa claro Mirele debiasi 

Na data de ontem, 24 de fevereiro, a conquista do voto feminino no Brasil completou exatos 88 anos. Atualmente as mulheres representar 53% do eleitorado e ainda sim a representatividade é muito baixa. Isso é o que nos explica vereadora do município de Orleans, Mirele Debiasi, única vereadora mulher.

“O direito de votar e ser votado, isso já é vivo para homens e mulheres, contudo, e com tantas evoluções e conquistas, a realidade é de que as mulheres apresentam uma baixa na representativa seja a nível municipal, estadual ou até mesmo federal. A necessidade de que as mulheres busquem seu espaço na política se faz necessário.” pontua Mirele Debiasi

A fala da vereadora nos remete a realidade das cidades ao redor, onde de fato a baixa de representatividade feminina é evidente:

Lauro Müller: 01 vereadora

Urussanga: 01 vereadora

Pedras Grandes: Nenhuma vereadora

Cocal do Sul: 02 vereadoras

Treviso: 01 vereadora

Criciúma: 02 vereadoras de um total de 17 cadeiras no legislativo

Tubarão: Nenhuma vereadora de um total de 17 cadeiras no legislativo

Luan Schmitz | JP6500SC | Canal do Sul

 

Slider