29/09/2023 às 19h20min - Atualizada em 29/09/2023 às 19h20min

Polícia Civil prende homem suspeito de estuprar e engravidar a própria enteada

O caso foi mantido em segredo em virtude das ameaças que o agressor fazia contra a vítima

Imagem: PCSC
 
 
 
Nesta sexta-feira (29), a Polícia Civil Santa Catarina, por meio das Delegacias de Polícia de São Bento do Sul e de Campo Alegre, prendeu um homem suspeito de praticar reiterados estupros contra a enteada, por pelo menos 02 anos. O caso foi mantido em segredo em virtude das ameaças que o agressor fazia contra a vítima, contra a mãe dela e os irmãos.

No final do ano de 2022, a vítima engravidou do padrasto, mas mentiu sobre a suposta paternidade, em virtude do medo de que as ameaças se concretizassem. Após o nascimento da criança, o agressor tentou novamente manter relação sexual forçada com a vítima, quando ela resistiu e revelou a situação aos familiares. Após a descoberta dos fatos, no final do mês de julho, o autor dos crimes empreendeu fuga da cidade e não foi mais localizado.

A Polícia Civil instaurou inquérito policial para investigar o caso e representou ao Poder Judiciário pela decretação da prisão preventiva do agressor, o que foi brevemente deferido. Diversas diligências foram realizadas para tentar localizar o homem, nas cidades de São Bento do Sul e Campo Alegre, mas sem sucesso na tarefa.

Diante da dificuldade de identificação de seu esconderijo, a Polícia Civil lançou mão de meios especiais de investigação e identificou o provável paradeiro do investigado em uma chácara no interior da cidade de Campo Largo, no estado do Paraná.

Na madrugada desta sexta-feira (29), foi organizada uma operação policial, que foi bem sucedida e logrou êxito em dar cumprimento ao mandado de prisão. No local, os policiais também apreenderam objetos que irão contribuir para a produção de provas, como pertences pessoais que contém material genético para realização de exame de DNA. O investigado está sendo encaminhado para realização de interrogatório e deverá ser submetido ainda hoje à audiência de custódia.

Fonte: PCSC
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canaldosul.com.br/.