10/01/2024 às 20h25min - Atualizada em 10/01/2024 às 20h25min

Conselho Tutelar de São Ludgero completo para exercer suas funções

Eleição aconteceu no dia 1º de outubro de 2023

foto: Divulgação
 
 
 

      Com a posse de Raquel Gonçalves hoje, quarta-feira, 10 de janeiro, ocorrido às 14 horas, na Sede Administrativa Municipal, o Conselho Tutelar de São Ludgero está com a equipe completa para exercer suas funções junto à comunidade nos próximos quatro anos. Raquel é a quinta conselheira empossada e passa a formar a equipe ao lado de Ariely Mattos, Arlete Pereira Momm, Brígida Hobold Buss e Zelir Locks Soth Ribeiro.

      O processo eleitoral aconteceu no dia 1º de outubro de 2023, das 8 às 17 horas, no Centro Cultural Multiuso Dimas Schlickmann, com 506 pessoas da comunidade exercendo o direito ao voto. A campanha iniciou com 7 candidatas habilitadas para disputarem a eleição. Durante o processo Luciana Pacheco oficializou sua desistência do pleito por deixar de residir em São Ludgero. O período para pedir os votos foi do dia 14 de agosto até o dia 30 de setembro. Puderam votar eleitores a partir dos 16 anos e aqueles que estavam inscritos em até 3 meses do dia da eleição. Foi necessário que os eleitores apresentassem documento com foto no dia do pleito. Cada eleitor teve direito a um voto.

      Todo o processo eleitoral foi conduzido pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de São Ludgero, que tem Patrícia Maia na presidência, e acompanhado pelo Ministério Público da Comarca de Braço do Norte. “Desejo sucesso e peço comprometimento e parceria para que os trabalhos sejam realizados com êxito”, pontua a presidente.

     O Secretário de Administração, Finanças e Planejamento, Victor Warmling Paegle, explica que no dia de hoje, 10 de janeiro, era para acontecer a diplomação e posse das cinco candidatas eleitas. Porém, o fato do Conselho Tutelar estar com vacância de vagas a diplomação e posse foram sendo antecipadas com o a concordância das eleitas.

   O período de atuação das conselheiras diplomadas e empossadas será até 9 de janeiro de 2028. A carga horária de Conselheiro Tutelar é de 32 horas semanais, com rendimento de R$ 1.998,98, acrescido de R$ 332,48 de Sobreaviso e R$ 500,00 de Vale Alimentação.

     Além do prefeito de São Ludgero, Ibaneis Lembeck, o Iba, das conselheiras, do secretário Victor, da presidente Patrícia, o ato contou com a participação do Secretário de Assistência Social e Habitação, Valcemir Villani, e de membros do CMDCA.

 
 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canaldosul.com.br/.